(11) 4215-7665 | (11) 97649-9423 contato@tipopublicidade.com.br

Você também pode se interessar: Marketing Industrial: veja as melhores estratégias para sua empresa! 

 

Você sabia que o LinkedIn já conta com 300 milhões de usuários ativos mensalmente? Logo, se levarmos em consideração que o perfil da plataforma é mais voltado aos assuntos de carreira e networking, explorar a rede com o objetivo de  gerar negócios  pode ser uma excelente alternativa para sua empresa!

Segundo pesquisa Social Media Trends 2019, dados apontam que o uso do LinkedIn por parte das empresas cresceu quase 10% recentemente. Em 2018, 47,2% das organizações estavam nesta rede e atualmente, já são 56,4% dos negócios presentes neste canal.

Mas, o que isso quer dizer na prática? E por que é uma ideia interessante utilizar o LinkedIn como parte da sua estratégia B2BNeste post, separamos um guia simples para te auxiliar a implementar ações mais assertivas. Acompanhe!

 

Por que usar o Linkedin para empresas B2B?

Não existe uma rede social mais estratégica do que o LinkedIn quando a proposta é tratar de assuntos profissionais.  

Por isso, se a sua estratégia é B2B, ou seja, uma empresa cujo objetivo é negociar com outras empresas, o LinkedIn é o principal canal para posicionar a sua marca.

Além da plataforma ter vários recursos que possibilitam trabalhar com marketing de conteúdo, tanto por meio de uma company page quanto pela promoção de artigos e participação em fóruns, por exemplo, existe o recurso do LinkedIn Ads que serve para a criação de campanhas patrocinadas.

Versatilidade é um adjetivo que combina com essa rede que pode alavancar as suas vendas desde que você saiba como utilizá-la da forma certa para agregar valor e resultado na estratégia de marketing digital da sua empresa B2B.

Algumas informações interessantes sobre a rede: 

  • É uma rede com alcance mundial, presente em mais de 200 países;
  • Essa ferramenta está entre as três mais utilizadas pelas empresas atualmente;
  • É um canal que pode fortalecer a imagem institucional do seu negócio;
  • 300 milhões de pessoas usam o Linkedin no mundo;
  • 80% dos leads em empresas B2B surgem a partir do Linkedin.

Outro dado interessante para aprender como usar LinkedIn para marketing empresarial e geração de vendas agora mesmo é o fato  de que as empresas podem agregar valor à jornada de compra dos parceiros a cativá-los por meio de informações de qualidade.

Não é à toa que uma pesquisa feita pela empresa Join the Dots em parceria com o próprio LinkedIn revelou que empresas com foco em B2B que integram os times de vendas e marketing e usam a rede, podem compartilhar conteúdo relevante e utilizar as soluções deste meio para atrair o público com informações de valor.

 

Como as estratégias de LinkedIn para B2B podem ajudar o meu negócio?

O LinkedIn é uma excelente plataforma para passar credibilidade do seu serviço ou produto. Explorar cases de sucesso, números de desempenho (que não sejam confidenciais, claro), receber recomendações ou ser mencionado por outras empresas que aprovaram o seu serviço são algumas das estratégias que podem transmitir maior confiança para seus novos parceiros.

Ainda sobre a pesquisa feita pelo LinkedIn para empresas B2B, quase 80% dos entrevistados afirmaram que sempre ou com elevada frequência seguem os clientes em potencial em suas redes sociais profissionais.

Uma das conclusões que a pesquisa chegou com relação ao perfil dos vendedores de empresas B2B é que aqueles que possuem melhor desempenho não só estão mais propensos do que a média a utilizar ferramentas de inteligência de vendas, como também estão significativamente mais predispostos a fazer isso no LinkedIn.

Vendedores de alta performance chegam a ser 50% mais predispostos a usar o LinkedIn Sales Navigator, e 19% mais propensos a usar o LinkedIn como principal fonte de dados.

 

Saiba como usar o Linkedin na estratégia de marketing

Separamos algumas dicas valiosas para que você saiba como usar o Linkedin para alavancar as técnicas de marketing e vendas. Veja a seguir:


1 – Crie uma Company Page

Assim como o Facebook e o Instagram, o LinkedIn é uma rede que permite a criação de uma página corporativa. Criar a sua company page é o primeiro passo para pensar em uma estratégia de marketing digital.

A página empresarial serve como uma vitrine para sua empresa e é uma forma de trazer visibilidade à organização, bem como construir a autoridade do empreendimento na rede.

É importante destacar que para cumprir esse objetivo, é fundamental ter um planejamento de marketing digital que irá nortear a produção de conteúdo relevante nesta página, a divulgação de artigos, tom de voz da marca e o posicionamento digital da empresa.

Quanto mais completa sua company page for, melhores são as chances dela gerar engajamento e fazer com que o tráfego de outros canais da sua empresa como o blog e o site, por exemplo, cresçam.

Outra função interessante de um perfil corporativo é a possibilidade dos seus colaboradores associarem a página oficial da empresa aos seus perfis profissionais — o que também gera visibilidade e credibilidade à marca.

2 – Use o LinkedIn Ads

Usar o Linkedin Ads é ter a chance de criar anúncios  segmentados de acordo com os perfis profissionais que a sua empresa deseja atingir.

Imagine que você tem uma distribuidora de produtos de alimentação e higiene e deseja fechar negócio com proprietários de grandes redes de varejo e atacado.

Com o anúncio certo, é possível atingir quem de fato pode tomar a decisão de compra e fazer com que a sua distribuidora faça parte do quadro de fornecedores oficiais.

Entre os formatos de anúncios que podem compor sua estratégia de marketing digital para aumentar as vendas da empresa, são alternativas possíveis:

  • Conteúdo patrocinado para aumentar alcance e engajamento;
  • Mensagem patrocinada direto para o inbox do usuário;
  • Anúncios personalizados e dinâmicos;
  • Anúncios feitos com imagens (parecidos com o formato de display do Google);
  • Propagandas em texto.

 Não existe uma receita de bolo para saber qual é o melhor formato para sua empresa. Tudo depende muito dos objetivos da campanha, do perfil do negócio e das personas para as quais os anúncios são direcionados.

Enquanto determinada pessoa pode achar uma mensagem direta na caixa de entrada um tanto invasiva, outros podem achar mais prático.

Por isso,  antes de usar o LinkedIn para gerar vendas, tenha clareza sobre quem deseja alcançar e qual é a melhor forma de se comunicar com essa pessoa, com base em seus hábitos, interesses e comportamentos.

3 – Use os grupos e fóruns de discussão

Não há como usar o LinkedIn para marketing corporativo sem alimentar as conexões profissionais e trocar experiências. Use os grupos e fóruns da rede para compartilhar conteúdo relevante, conhecer possíveis parcerias e mostrar que a sua empresa está antenada às novidades do mercado.

O processo de venda exige confiança, conhecimento, credibilidade e conquista. Por isso, as comunidades do LinkedIn podem ser um ótimo lugar para que você acompanhe referências, tenha inspirações e venda o peixe do seu negócio para quem compartilha os mesmos interesses e objetivos.

Esses são alguns dos fatores mais relevantes que fazem do LinkedIn uma plataforma estratégica para quem atua no segmento B2B!

É importante lembrar que não basta estar presente no Linkedin. É preciso planejar sua presença digital, saber como utilizar as ferramentas de campanhas patrocinadas, otimização de SEO para os mecanismos de buscas e mensurar dados para adequar a estratégia com os objetivos que a sua organização visa atingir.


Continue acompanhando os conteúdos no Blog da TIPO e até a próxima!